Outubro Rosa: a importância do autocuidado – por: Dra. Fátima Oladejo

Outubro Rosa: a importância do autocuidado - por: Dra. Fátima Oladejo

Criada no início da década de 1990 pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, a campanha Outubro Rosa é celebrada anualmente em vários lugares do mundo para conscientizar a população sobre a importância da prevenção do câncer de mama.

 

Segundo pesquisa divulgada pelo Ministério da Saúde em 2019, é o tipo de câncer mais comum mundialmente entre as mulheres, correspondendo a cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Só aqui no Brasil, esse percentual é de 29%. O país ainda tem um agravante: o diagnóstico de câncer em estado avançado é mais comum entre mulheres negras de baixa renda. Isso pode ser explicado ao menor acesso das mesmas a exames de diagnóstico precoce, como a mamografia e o acesso ao serviço público de saúde com qualidade.

 

Por outro lado, observo outra questão que também prejudica o diagnóstico precoce, que é a dificuldade da mulher – na maioria de baixa renda – de olhar para si e praticar o autocuidado. Isso se deve por falta de tempo, já que essa mulher é responsável, na maioria dos casos, pelo cuidado e sustento de sua família. Com tudo isso nas costas, ela não se percebe merecedora de separar um tempo para olhar exclusivamente para si e conhecer o seu corpo e os sinais que ele emite. Ou seja, é um conjunto de fatores que levam a esse triste cenário.

 

Campanhas, como a do Outubro Rosa, além do autoconhecimento feminino e um olhar mais atento dos profissionais de saúde a essas mulheres, são fundamentais para que o diagnóstico seja feito da maneira correta e que o tratamento seja iniciado o mais cedo possível.

 

A consulta anual com o ginecologista é muito importante. Mas a mulher tem o restante do ano para perceber qualquer mudança que possa ocorrer, e, diante disso, procurar ajuda necessária. E isso só acontece se a mesma tiver ferramentas para perceber essas mudanças.

 

Por isso, eu digo: amem-se, cuidem-se, olhem para si todo dia com olhar de cuidado e amor. Vocês merecem, nós merecemos!

 

A Dra. Fátima Oladejo atende no Bella toda quarta-feira. Para marcar uma consulta ou tirar dúvidas, entre em contato pelos telefones 2530-4779/2537-8980/99140-7211.

 

share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mensagem enviada com sucesso!



Atividades FísicasCursosConsultasConvêniosOutros

[recaptcha]